Skip to content

Finanças para Consultórios – Como maximizar os resultados?

Finanças para consultórios

Que tal algumas dicas sobre finanças para consultórios? Selecionamentos algumas dicas para maximizar os resultados do seu negócio com dinamismo e praticidade. Confira a seguir!

1) Tenha uma empresa

Sim, pois ter um consultório como pessoa física irá incidir em impostos maiores do que se tivesse uma pessoa jurídica (CNPJ). Já abordamos isso nesta matéria sobre tributação para médicos. Além disso, ter uma empresa é oficializar o seu consultório, dar mais segurança à sua prática profissional e ter mais garantias legais.

2) Monitore a todo momento o fluxo de caixa

O fluxo de caixa é uma ferramenta de gestão muito importante. Você pode adotar uma ferramenta digital para isso, e documentar todos os aspectos financeiros do seu negócio.

3) Administre gastos e lucros – Finanças para consultórios

Primeiramente, é importante fazer um planejamento financeiro com uma projeção de gastos e lucros em diferentes fases.

Em segundo lugar, é importante acompanhar de perto as entradas e saídas do seu negócio para poder tomar decisões mais pontuais. É impressionante como se pode fazer economia com apenas estes dois passos.

4) Tenha reservas de emergência

Ter uma reserva de emergência para situações que colocam em risco a sustentabilidade do seu negócio é essencial. Os consultórios e clínicas médicas sofrem com momentos em que as consultas estão em baixa ou em situações em que é preciso investir em estrutura física ou tecnológica. Você pode dedicar um valor mensal para seu fundo de emergência.

5) Conte com uma assessoria contábil especializada no seu segmento

Uma assessoria contábil que conta com um contador especialista em finanças para consultório é uma escolha muito positiva para manter as suas contas em dia e seus ganhos em alta.

Este profissional consegue indicar benefícios e vantagens tributárias e fiscais para o seu segmento, acompanhar e documentar todos os aspectos financeiros da sua empresa e ainda contribuir para oportunidades que nem sempre são visíveis.

É o caso da OSP Contabilidade, que há mais de 40 anos atende a empresas de Campinas e de todo o país e possui contadores especializados no segmento de saúde.

6) Controle a inadimplência

Todas as empresas devem criar estratégias que evitem a inadimplência de seus usuários. Evitar antes de ter que corrigir e cobrar, esta é o primeiro cuidado que se tem que ter.

Finanças para consultórios

Políticas de análise de crédito, formar de pagamento seguras, estabelecer contratos junto a um especialista, programação de mensagens que avisam o cliente dos seus vencimentos, por exemplo, são práticas que contribuem para as finanças dos consultórios.

7) Use a tecnologia ao seu favor

É impossível ter resultados atualmente em um negócio sem o uso da tecnologia. Vivemos em plena transformação digital. Aliás, um fenômeno que trouxe grandes soluções para a gestão de negócios e também para as finanças para consultórios.

Há no mercado sistemas que integram de forma inteligente e dinâmica todas as informações financeiras do seu consultório. E permitem a melhor tomada de decisão.

Big data, Inteligência Artificial, Business Intelligence, análise preditiva e outros recursos de alta performance são uma realidade até mesmo na gestão financeira de pequenos negócios, como consultórios e clínicas.

8) Aprenda mais sobre gestão financeira

Sempre há o que aprender sobre gestão financeira. Esta área do conhecimento evolui muito rapidamente, assim como mudam rápido as características do mercado. A dica é sempre estar estudando sobre gestão financeira, principalmente quanto às finanças de consultórios e clínicas. Fique atento também às mudanças de leis.

Veja também: Contabilidade Digital – O que é? Quais as vantagens?

Gostou das dicas sobre finanças para consultórios? Deixe o seu comentário e compartilhe este artigo em suas redes sociais. Siga a OSP Contabilidade no Instagram!

Compartilhe: