Skip to content

Employer Branding – Por que é tão importante?

employer branding

Uma forma de destacar ainda mais a sua empresa no mercado é investindo na chamada employer branding, ou seja, na marca empregadora. Em um mercado em que cada vez é mais difícil captar os melhores talentos, ou seja, colaboradores que estejam engajados com o negócio, otimizar a imagem da marca como empresa boa de se trabalhar é a solução. É, na verdade, uma decisão estratégica.

O que é employer branding e suas vantagens

O termo employer branding envolve certa complexidade, já que vai além da esfera do marketing. Tem a ver com a missão, visão e valores da empresa, assim como com a própria cultura organizacional. São as relações que a empresa desenvolve com seu público interno, e posteriormente externo, que contam.

employer branding

Assim, employer branding não se encerra em apenas criar estratégias que valorizam a empresa enquanto marca empregadora, mas em de fato efetivar relacionamentos enriquecedores com seus colaboradores e outros stakeholders, de forma a ser reconhecida na sociedade.

Em suma, employer branding é a imagem ou reputação que a sua empresa tem como entidade que emprega e onde se deseja trabalhar. A ideia é sempre criar uma percepção transparente e positiva junto ao público interno e externo. E isso, como veremos, tem grandes vantagens!

Vantagens e benefícios das estratégias de employer branding

A seguir, confira algumas vantagens que a expansão da marca empregadora pode trazer ao seu negócio:

  • Consegue atrair os melhores talentos com mais facilidade e menores custos.
  • Atrai mais candidatos em menos tempos.
  • Reduz os custos de contratação e turnover.
  • Melhora o engajamento e o clima organizacional.
  • Torna as pessoas mais produtivas.
  • Traz mais lucratividade e resultados para o negócio.
  • Melhora a resposta em processos de recrutamento e seleção.
  • Ajuda a criar um ambiente mais saudável de trabalho.
  • Oferece mais satisfação, respeito e confiança entre seus colaboradores e da sociedade como um todo.
  • Gera memorização sobre a marca na comunidade.
  • Otimiza a imagem diante dos stakeholders.
  • Torna a empresa referência na sociedade.

Employer branding passo a passo

A seguir, veja algumas dicas sobre como aplicar estratégias de employer branding na sua empresa e ter mais resultados:

1) Employer branding X cultura organizacional

O conceito de employer branding deve estar absorvido pela cultura organizacional. Isso quer dizer que para ter uma marca empregadora de destaque, é preciso que ela seja percebida por todos os seus públicos – principalmente o interno, por seus valores e direcionamentos. Para atrair novos talentos e ser reconhecida como uma marca positiva, é preciso que isso seja rela e seja cultivado dia a dia.

Logo, invista em práticas de bom relacionamento com o colaborador, com estratégias que efetivem uma proposta de trabalho positiva, com as ações que impactam o bem-estar e a satisfação das equipes, de forma a engajar todos os públicos. Lembre-se que a imagem da marca começa dentro da empresa.

2) Experiência do colaborador

O que a sua empresa está oferecendo ao colaborador? Temos um mercado baseado em oferta e procura. E para captar os melhores talentos e mantê-los, é preciso investir não apenas em salários convidativos e benefícios.

É preciso ir além, oferecendo um ambiente adequado, um plano de cargos e salários, e de carreira, que dê mobilidade a estes talentos, incentivos a liderança, uma cultura organizacional que incentive a diversidade, etc. Pesquise de que forma é possível melhorar a experiência do colaborador.

3) Liderança

É importante lembrar que com as estratégias de employer branding não se almeja apenas do público interno mais comum, mas também as lideranças. Por isso, é importante que lideranças, cargos estratégicos e gestores estejam envolvidos no processo.

Por isso, invista em treinamentos e capacitações, em uma comunicação padronizada e acessível, em uma cultura motivadora, baseada em comunicação assertiva, com feedbacks e incentivo à liderança e autonomia.

4) Invista em comunicação

Toda empresa possui dois públicos: o interno e o externo. Desta forma, é importante ter estratégias realistas para ambos, já que o employer branding é um conceito que foca no cultivo da marca no ambiente interno. O colaborador satisfeito é um canal de propaganda positiva.

Além da comunicação assertiva, priorize ações de participação de colaboradores nas decisões da empresa. Utilize canais diferentes de comunicação interna, reforçando a marca como algo comum a todos em ações constantes.

5) Planejamento periódico do employer branding

Como toda demanda de marketing, as estratégias de employer branding devem ser planejadas, construídas, aplicadas e avaliadas por um período. Também há um orçamento envolvido, que precisa ter um retorno.

Há indicadores de employer branding que apontam avanços e necessidade de melhorias. Para a melhor tomada de decisão, é melhor colocar tudo em perspectiva e alinhar as estratégias com as pessoas responsáveis.

Veja também: Contabilidade para Empresas de TI – 5 benefícios para o seu negócio

Gostou das dicas sobre employer branding? Deixe o seu comentário e compartilhe este artigo em suas redes sociais. Siga a OSP Contabilidade no Instagram!

Compartilhe: