Skip to content

Employee Value Proposition (EVP) – O que é? Quais as vantagens?

Employee Value Proposition

Nem sempre o salário e os benefícios são suficientes para atrair e manter os talentos de uma empresa. Para manter uma equipe engajada, a empresa deve estar preparada para oferecer muito mais – e isso pode impactar nas suas finanças e na produtividade positivamente. O conceito de Employee Value Proposition é algo novo que veio para solucionar problemas de turn over e elevar a empresa como uma local excelente para se trabalhar. Veja mais a seguir!

O que é Employee Value Proposition?

O conceito de Employee Value Proposition, ou seja, no aprimoramento da proposta de valor que é ofertada aos colaboradores é essencial para atrair e reter os melhores os melhores profissionais do mercado.

É uma forma de reduzir custos de seleção, contratação, treinamentos e demissão, ou seja, de todo o ciclo de permanência do funcionário na organização. É um modo também de a empresa mostrar que é um excelente lugar para se trabalhar e que tem uma cultura alinhada com as perspectivas do colaborador e do mercado. No final das contas, a empresa oferece muito mais que salários e benefícios.

O EVP – Employee Value Proposition é o conjunto de benefícios que a empresa oferece em troca de todo o esforço e tempo que os colaboradores entregam. É uma proposta de valor pode incluir, por exemplo, o salário, as ferramentas de trabalho, o plano de carreira, cargos e salário, diferentes modalidades de trabalho, treinamentos especiais, boas práticas de valorização contínua e os benefícios não obrigatórios.

Por que o EVP é tão importante?

Uma empresa não existe sem pessoas que nela trabalham. Se definir a empresa apenas por sua estrutura física, não seria uma empresa. Logo, são as pessoas que dão valor e fazem o negócio acontecer. O acordo profissional é um troca e precisa ser justa e benéfica para todos os envolvidos. Foi-se o tempo dos modelos de gestão opressores de alguns séculos.

Assim, o Employee Value Proposition é uma estratégia que considera os valores e objetivos da empresa como uma comunidade de pessoas, estando alinhada e fundida com a cultura organizacional do negócio.

A ideia é gerar vantagens reconhecidas para os colaboradores, mas também um saldo positivo para o negócio, tais como engajamento, produtividade, fortalecimento da marca empregadora, atração e retenção de talentos, redução de custos, etc.

Como definir o EVP na sua empresa

Para se criar uma proposta de Employee Value Proposition é preciso conhecer bem o negócio e a cultura da empresa, alinhando a oferta com valores, comportamentos, regras, crenças, etc., criando uma identidade organizacional focada nas pessoas. Isso pode levar tempo e esforço por parte de lideranças, gestores e especialistas do departamento pessoal e organizacional. Envolve todos os processos da empresa e centros de custo.

O primeiro passo é reconhecer o que a sua empresa vem oferecendo aos colabores atualmente, o que precisa ser ajustado e o que precisa ser mantido, sempre com foco no negócio e no futuro que se quer criar. A segunda dica é ouvir o que os funcionários têm a dizer sobre a empresa, o que poderia melhorar, pontos fortes e fracos, quais as suas expectativas profissionais, etc.

O estabelecimento do Employee Value Proposition deve gerar mudanças e não pode ser apenas uma intenção da empresa juntos aos funcionários, mas uma realização. Não se trata apenas de um discurso bonito para atrair profissionais, mas algo que deve existir e ser reconhecido de fato por seus colaboradores. É preciso criar um plano de ação ao serem definidas as diretrizes do Employee Value Proposition.

Oferta da empresa

Além de políticas internas que valorize as pessoas e a diversidade, é importante que a oferta da empresa seja mais dinâmica e completa, indo além do salário e dos benefícios. Estes são alguns exemplos:

  • Bolsas de estudo.
  • Plano de saúde para o colaborar e seus dependentes.
  • Previdência privada.
  • Ginástica laboral.
  • Estacionamento e creche para colaboradores.
  • PLR
  • Bonificação para indicação de profissionais.
  • Horários flexíveis e possibilidade de home office.
  • Diversidade e inclusão na prática.
  • Comunicação mais assertiva.
  • Faça revisões periodicamente.
  • Desenvolvimento contínuo de competências.
  • Plano de cargos e salários com estabilidade e oferta de oportunidades.

O Employee Value Proposition é uma ferramenta flexível de gestão e pode ser adaptado. É possível usar a criatividade no desenvolvimento deste projeto e ampliar a oferta de maneira inusitada. E sempre que possível, vale divulgar em todas as ações da empresa.

Veja também: 5 habilidades empresariais que você precisa ter

Gostou das dicas sobre a ferramenta Employee Value Proposition? Deixe o seu comentário e compartilhe estas ideais em suas redes sociais. Siga a OSP Contabilidade no Instagram!

Compartilhe: