Não é novidade alguma que o contador é peça chave em qualquer organização que deseja ter um bom gerenciamento de suas finanças. O contador é o profissional que detém o conhecimento necessário para orientar o empresário sobre gestão financeira, garantindo que tudo esteja correto e também que sua empresa cresça em segurança e responsabilidade. O profissional contábil irá fornecer informações vitais sobre custos, encargos tributários, índices financeiros, dentre outros.

Já falamos sobre os diversos tipos de encargos, e podemos garantir que manter tudo em dia juntamente com todas as obrigações de um empresário não é nada fácil, nesse sentido, criamos esse texto para enfatizar a necessidade da consultoria desse profissional na fundação e manutenção de sua empresa, afinal, diversas empresas fecham suas portas cerca de 2 anos após abrirem justamente em decorrência dá má gestão de seus recursos, claro, isso vai além da contabilidade em si, mas é sim um forte ponto a se discutir.

AS FUNÇÕES DO CONTADOR NA GESTÃO DE EMPRESAS

O profissional da contabilidade é de extrema importância no bom funcionamento da sua empresa, ele é responsável por diversas funções que fazem com que as engrenagens (alusão a todas as operações dentro do seu empreendimento) se encaixem de forma a sempre estarem bem lubrificadas e deslizem sem ranger ou quebrar.

ABERTURA DA EMPRESA

A importância desse profissional é tanta que ele está presente desde o primeiro momento, a abertura da sua empresa. Ele pode fornecer consultoria em diversos pontos, que farão toda a diferença no desenvolvimento do negócio.

  • Planejamento financeiro e fiscal: número de funcionários, capital inicial, área específica de atuação, tudo isso é importante para saber qual o regime fiscal que é mais adequado para sua empresa, e o contador saberá quais são as melhores opções tendo em vista o complexo sistema de tributação;
  • Cronograma: tendo em vista os prazos burocráticos necessários para a abertura de uma empresa, esse profissional é ideal para ganhar o máximo de celeridade possível nesses processos e evitar atrasos e retardamentos no lançamento de sua empresa;
  • Controladoria: nada melhor que contar com um profissional capacitado para gerar dados confiáveis sobre a situação contábil de sua empresa, certo? Dessa forma, todas as métricas serão confiáveis e também serão inestimáveis para a tomada de decisão.

Além disso, o contador, sendo conhecedor dos sistemas e órgãos públicos, ajudará o empresário a driblar a burocracia, que não é pouca nesse país.

GESTÃO DOS ENCARGOS FISCAIS E TRABALHISTAS

Certamente o contador é a estrela no que se trata da gestão desses dois aspectos, encargos fiscais e trabalhistas, uma vez que qualquer problema em algum desses dois pontos pode ser de uma dor de cabeça sem precedente para qualquer empresário, resultando em multas monumentais, seja pela Receita Federal, Sindicatos, Justiça do Trabalho, dentre outros.

Dessa forma, melhor estar sempre em dia com todas as obrigações empresariais e abrir mão do “achismo” pela certeza de estar desempenhando todos os seus papeis de pessoa jurídica à risca.

O contador vai esclarecer e estruturar uma agenda de pagamento que deverá ser seguida, um profissional atualizado vai ser capaz de estar atento a qualquer mudança da legislação, como aconteceu recentemente com o Simples Nacional. Tanto com o “leão” quanto com o trabalhador, deve-se sempre ter cuidado, afinal, duvido muito que seja seu objetivo ser retalhado pelo governo ou ser injusto com seus funcionários.

Normalmente o empresário tem pontos para prestar atenção e os encargos contábeis são itens de dedicação exclusiva, como já tido, mas não suficientemente enfatizado, qualquer desvio pode gerar transtornos.

PRÓ-LABORE, LUCROS E AUDITORIA CONTÁBIL

Muito mais comumente que imagina empresas quebram por brigas entre sócios e não por encargos fiscais, multas, poucos clientes, etc. Dessa forma, o contador pode deixar tudo detalhado em minúcias, incluindo a retirada de lucros e o pró-labore de cada sócio. É importante deixar claro questões carga horária e remuneração de todos os envolvidos desde a abertura da empresa.

DIAGNÓSTICO FINANCEIRO

Além do pontos apresentados,  resta ainda ao contador dar seu parecer sobre a real saúde financeira da sua empresa, todos esses dados geram indicadores que podem facilitar o planejamento e a tomada de decisão por sua parte, o empresário.

Dessa forma, ter um contador em sua equipe não é um luxo e sim uma necessidade para garantir o sucesso do seu negócio. Esse profissional é um “asset” valioso e deve ocupar um papel relevante na organização da sua empresa.

PRECISA DE AJUDA PARA COMEÇAR SUA EMPRESA?
CONSULTE UM DE NOSSOS CONTADORES!

 

 

Share This